27/06/2013

Renascer

"Hoje sei que dá para renascer várias vezes nesta mesma vida. Basta desaprender o receio de mudar"
             Martha Medeiros (1961-...)
             Poetisa, escritora e jornalista brasileira

RENASCER

No silêncio,
Em estado de serenidade 
E de observação,
Aos poucos,
Sem nada fazer,
Afasto um obstáculo,
O astuto caminho da mente
Que, condicionada,
Mascara, ilude
E me mantém refém.
Pelo milagre
Da consciência reflexiva
E de inocência mesclado
Entro num vazio 
E sinto-me cheio.
Transcendo a mente,
Que já não me cativa,
E abre-se a porta
Do coração amigo
Que me dá as boas-vindas
Para me guiar ao meu ser,
Fonte de bem-estar
E de liberdade suprema.
No sentir da consciência
A tocar a existência
Vejo-me renascer
Em cada novo dia,
Em cada nova experiência.

Braga, 22 de junho


© Jorge Nuno (2013)